quarta-feira, 6 de agosto de 2014

Configurando Bridge-Aggregation no COMWARE (Switches HP)

Configurando Bridge-Aggregation no COMWARE (Switches HP)

Introdução à Bridge-Aggregation

Um Bridge-Aggregation em uma topologia de redes, significa configurar portas agregadas entre dois switches, por exemplo, unindo duas interfaces de cada equipamento. Dessa forma, a banda seria a soma da banda das duas interfaces e, caso tenhamos um problema em um cabeamento de um dos sub-elances, o outro estaria como redundância. A redundância poderia ser ainda maior pensando em dois pares de switches em IRF e com um agregation com portas de unidades diferentes da mesma pilha.

ba-bet-irf-sws
Topologia e Exemplo de Bridge Aggregation

Procedimento: Configurando o Bridge-Aggregation

Para ativar o Brigde-Aggregation (fazer igual, respectivamente, nas duas pontas):
] interface Bridge-Aggregation 1
] description [desc]
] link-aggregation mode dynamic

Nas interfaces que participaração:
] port link-aggregation group 1

Definir o que passará pelo Bridge-Aggregation:
] port access vlan XYZ
ou
] port link-type trunk
] port trunk permit vlan XYZ ZHY

Comandos de análise:
- display link-aggregation summary
- display link-aggregation verbose
- display link-aggregation member-port
- display vlan [nr-da-vlan-que-passa-pela-agregação]
bridge-aggregation